quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Volta ao Algarve em 2015, retorna à Federação Portuguesa de Ciclismo.

Volta ao Algarve retorna à Federação Portuguesa de Ciclismo.

A próxima edição da Volta ao Algarve, que decorre entre 18 e 22 de Fevereiro de 2015, vai voltar a ser organizada pela Federação Portuguesa de Ciclismo (FPC), que assumiu a continuidade da prova depois de a empresa privada que organizou a corrida no ano passado ter falhado o prazo de inscrição no calendário internacional, que terminou em 31 de maio.

“Para a prova não sair do calendário, com o acordo da Associação de Ciclismo do Algarve, proprietária da marca Volta ao Algarve, a Federação inscreveu a prova e assumiu a responsabilidade de organizar a corrida”, disse nesta segunda-feira ao Pedais.pt um porta-voz do organismo que tutela o ciclismo a nível nacional.
A prova, ganha este ano pelo ciclista que viria a conquistar o título de campeão do Mundo de fundo, o polaco Michal Kwiatkowski (Omega Pharma-Quick Step), vai manter o o figurino de cinco etapas, onde se inclui um contrarrelógio individual de 20 quilómetros, uma chegada em montanha, outra de média montanha e mais duas para sprinters.
A Volta ao Algarve, que vai cumprir a 41.ª edição, é uma das corridas com mais prestígio do calendário internacional no início de época e conta entre os seus vencedores com ciclistas, entre outros, como o multi-campeão do Mundo de Contrarrelógio, o alemão Tony Martin (Omega Pharma-QuickStep), em 2011 e 2013, o australiano Richie Porte (Sky), em 2012, ou espanhol Alberto Contador (Tinkoff-Saxo), vencedor duas vezes da Volta à França e da Volta à Espanha em 2014, que ganhou a prova algarvia em 2009 e 2010.
No próximo ano, no âmbito da Volta algarvia, vai realizar-se uma prova destinada a ciclistas amadores, o Algarve Granfondo, a 21 de fevereiro, integrada nas quatro corridas internacionais que integram o plano Cyclin’Portugal Algarve, um projeto da Federação Portuguesa de Ciclismo para afirmar Portugal como destino para a prática de ciclismo, tanto a nível profissional e competitivo como de lazer.
Para além do Granfondo e da Volta ao Algarve, a região mais a sul do país vai receber outras corridas, como, a 01 de março, a Clássica Internacional Loulé Cidade Europeia do Desporto, o Grande Prémio Internacional do Guadiana (07 e 08 de março) e o Grande Prémio do Sudoeste e Costa Vicentina (21 e 22 de março).
Fora de estrada, vai realizar-se, a 06 e 08 de março, a prova de BTT Algarve Bike Challenge.

MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.