sábado, 4 de junho de 2016

Guia básico de ajuste de suspensão de Mountain Bike

Aqui vai um guia básico para te ajudar a realizar o ajuste da suspensão de sua MTB, para que você tenha uma resultado melhor nas trilhas.
StumpJumper_SFR_6Fattie_09
Muita gente, principalmente os iniciantes, não sabem como realizar o ajuste correto da suspensão de sua MTB. Mas esse pode ser um fator muito importante para a performance do piloto, principalmente em terrenos mais técnicos.
Quantidade de ar (Sag)
O Sag é a compressão que a suspensão deve sofrer somente com o peso do ciclista em cima da bike. Essa sag deve ficar entre 20-30% do curso total da suspensão (quanto maior a suspensão, mais perto de 30% deve ficar o sag), tanto na suspensão dianteira quanto na traseira.
StumpJumper_SFR_6Fattie_02
Para medir o Sag, você deve colocar todo o equipamento que geralmente usa (sapatilha, mochila de hidratação, capacete, etc) e subir na bike com as suspensões destravadas, apoiando em uma parede ou com a ajuda de um amigo. Desça da bike tentando não comprimir a suspensão e veja o tanto que ela desceu.
Se ficar entre 20% e 30% do curso total, está ok. Se estiver descendo mais do que isso, coloque mais ar na suspensão, se estiver descendo menos, esvazie a suspensão.
Geralmente as suspensões possuem manuais que indicam a calibragem da suspensão de acordo com o peso do ciclista. Sempre verifique isso!
Retorno (Rebound)
O retorno é responsável por recolocar a suspensão na posição correta antes de um impacto. Se o retorno estiver rápido demais, a bicicleta pode ficar quicando e arisca demais. Se estiver muito lento, em uma sequência de impactos, a suspensão não estará pronta para receber a próxima porrada. Portanto, é importante deixá-la na regulagem correta.
Specialized_StumpJumper_HT_2015-5
Uma dica para regular é a seguinte: Gire o regulador de retorno todo no sentido horário (colocando no máximo de velocidade de retorno), coloque o máximo de peso possível na suspensão fazendo pressão para baixo e veja se ela está voltando rápido demais.
Vá girando o regulador no sentido anti-horário para ir reduzindo a velocidade de retorno até que fique do seu gosto.
Infelizmente, não existe uma número específico de regulagem de retorno, vai da preferência do piloto. Só tem que tomar cuidado para não deixar ela com retorno muito rápido e, no caso da suspensão traseira, ser ejetado pela bike. Ou então deixar ela mole demais e ficar sem suspensão em uma sequencia de impactos.
Lembre-se sempre de anotar a a regulagem da sua suspensão.
Nas suspensões de Downhill, existe regulagem de retorno de alta velocidade (impactos maiores) e de baixa velocidade (impactos menores e trabalho em curvas e frenagens). Essa regulagem é um pouco mais complexa, então vou pedir a um especialista escrever o próximo post.
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.