sábado, 2 de julho de 2016

França quer transformar doping mecânico em crime


O Ministro do desporto, Thierry Braillard, disse que o doping tecnológico ameaça a integridade do desporto. Ele é a favor da criação de uma lei contra as Fraudes desportivas, para criminalizar o doping mecânico.
Mecanico
A UCI anunciou que além dos detectores magnéticos que está utilizando para tentar encontrar motores nas bikes, também vai utilizar câmara sensíveis ao calor para auxiliar na busca pelos trapaceiros.
O protejo de lei está sendo analisado por especialistas e deve ir ao parlamento ainda esse ano.
A França já considera o doping (comum) um crime, e foi o primeiro país a fazer isso. 
Em 2008 eles aplicaram regras que podem levar até a cadeia, pessoas que levarem a posse ou trafico de substâncias dopantes em eventos desportivos.
No começo do ano, o primeiro (e único) caso de doping mecânico foi confirmado durante o mundial de Cyclocross, na categoria sub-23, quando a bicicleta da ciclista Femke Van Den Driessche foi flagrada com um motor.
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.