sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Bicicleta com equipamento Android integrado

Super Cycle
Funciona ligada à internet através de equipamento Android integrado e tem um manancial de equipamentos que inclui o bloqueio das duas rodas através de um único botão. Apesar de ser uma bicicleta, a Super Cycle, criada pela empresa chinesa de entretenimento e telecomunicações LeTV, foi apresentada num salão de tecnologia nos Estados Unidos.
O guiador e a parte superior do quadro, com um ar a dar para o futurista, reúnem o fundamental desta máquina, apresentada no Salão CES de Las Vegas, que decorre até sábado, 09 de janeiro, na cidade norte-americana.
Super Cycle 2
Se está ligada à internet, dispensa qualquer outro equipamento eletrónico para registar o que é essencial e qualquer ciclista gosta de saber. O caminho mais rápido ou mais curto para um destino, quantos quilómetros andou, a velocidade, as subidas, o esforço, a potência… e tudo o mais que acrescentar a isso uma ligação por bluetooth a smartphone.
Uma das garantias é que saberá sempre onde deixou a bicicleta, que ainda poderá ficar com as duas rodas bloqueadas com a simples pressão de um botão. A partir desse momento, se alguém lhe pegar, por exemplo, vai acionar um alarme e dissuadir os ladrões.
Um sistema de iluminação para andar de noite e indicadores de mudança de direção luminosos equipam também a Super Cycle, que alimenta a panóplia tecnológica através de uma bateria que carrega por si só, quando é usada, ou ligada a uma tomada da rede elétrica.
Possui ainda um walkie talkie para falar com outros ciclistas que estejam nas proximidades e tem entre os acessórios uma câmara que permite ir tirando fotos pelo caminho ao ritmo do toque num botão.
A parte menos interessante do projeto é que ainda não passa de um protótipo em afinações que não se sabe quando passará à fase de produção e à comercialização. Desconhece-se igualmente qual poderá vir a ser o preço.
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.