terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Quatro deputados foram tomar posse de bicicleta.

Em Espanha Quatro deputados foram tomar posse de bicicleta.
Deputados Espanha
Quatro eleitos deslocaram-se de bicicleta para a tomada de posse na sessão Constitutiva do Congresso  dos Deputados de Espanha, realizada nesta quarta-feira.
Três dos deputados foram eleitos pelo partido Equo, formação ecologista que integra o partido Podemos, de esquerda, numa atitude interpretada como um sinal de que estão a ocorrer mudanças na política espanhola. Foram eles Juan López de Uralde, Jorge Luis Vall e Rosa Martínez.
O quarto elemento a chegar de bicicleta para tomada de posse foi Pedro Arrojo, eleito pelo Podemos em Saragoça.
O gesto simbólico dos agora membros do congresso foi abafado pela situação da deputada Carolina Descansa, também do Podemos, que amamentou o seu filho bebé enquanto decorria a sessão inaugural, mas os ativistas da mobilidade sustentável fizeram questão de dar destaque à atitude dos quatro deputados.
Ugalde usou mesmo um cachecol do grupo verde europeu (European Green) e um colete onde lia ‘There is no planet B’ (Não há planeta B), aludindo à necessidade de reduzir as emissões de gases com efeito de estufa como forma de evitar o colapso ambiental.
“O que fazemos é assegurar que vamos trabalhar por um modelo sustentável em todo os aspetos. Esse é o compromisso dos deputados do Equo, integrados no Podemos, a que de alguma forma quisemos dar visibilidade vindo de bicicleta para o Congresso e mostrando que o caminho das bicicletas é, contudo, complicado”, afirmou Juan López de Fralde, 52 anos, aos jornalistas.
A iniciativa revelou que o edifício do Congresso não está preparado para receber deputados ciclistas, dada a impossibilidade de entrarem bicicletas pela porta principal, interdita a todos os veículos.
A solução foi entrarem pela porta das traseiras, por onde entram os eleitos que se deslocam de automóvel, e deixar as bicicletas no parque de estacionamento para carros.
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.