quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Katusha, FDJ e Caja Rural anunciam equipas para o Algarve

A Team Katusha Alpecin, a Caja Rural-Seguros RGA e a FDJ já enviaram à organização da Volta do Algarve os seus boletins de inscrição, a pouco mais de mês e meio da 44.ª edição da prova, que decorre entre 14 e 18 de fevereiro.
A suíça Katusha Alpecin chegará ao Algarve comandada pelo português José Azevedo, que escolheu um bloco de sete corredores capaz de lutar pela vitória final, além de poder disputar as etapas mais importantes, o contrarrelógio e as chegadas em alto.
O alemão Tony Martin, quatro vezes campeão mundial de contrarrelógio e vencedor da Volta ao Algarve em 2011 e em 2013, será um dos mais sérios candidatos à camisola amarela, dado que o contrarrelógio de 2018 é propenso a fazer maiores diferenças do que em anos anteriores e as etapas em linha não terão bonificações.
O esloveno Simon Spilak, vencedor da Volta à Suíça em 2015 e em 2017 e da Volta à Romandia em 2010, é outro pretendente à camisola amarela.
Os dois portugueses da equipa, José Gonçalves e Tiago Machado, também estarão presentes e, sendo corredores completos, a luta pelas primeiras posições só dependerá da missão que o coletivo lhes venha a reservar. A Team Katusha Alpecin alinha ainda com o croata Robert Kiserlovski, com o holandês Maurits Lammertink e com o colombiano Jhonatan Restrepo.
A Caja Rural-Seguros RGA chega à Volta ao Algarve com um coletivo em que pontificam os corredores portugueses e os jovens: Rafael Reis será colocado à prova no contrarrelógio de Lagoa e Joaquim Silva terá as suas oportunidades nas chegadas à Fóia, em Monchique, e ao Malhão, em Loulé.
A dupla portuguesa será acompanhada por Josu Zabala, Gonzalo Serrano, Mauricio Moreira, Miguel Ángel Benito e Julen Amezqueta.
A francesa FDJ surge no Algarve com uma equipa de campeões, uma vez que inscreveu três campeões nacionais: Arnaud Démare, campeão francês de fundo, é a estrela da companhia e a certeza de que os gauleses terão uma palavra a dizer nas duas etapas que se prevêem discutidas ao sprint, acompanhado pelo campeão nacional de fundo da Holanda, Ramon Sinkeldam, e pelo campeão nacional de fundo e de contrarrelógio da Lituânia, Ignatas Konovalovas.
A FDJ aposta no potencial de Démare para as chegadas em pelotão e, por isso, não descurou o “comboio” do francês, tendo também inscrito David Cimolai, Jacopo Guarnieri, Antoine Duchesne e Olivier le Gac.
Em: https://regiao-sul.pt/2017/12/28/desporto/katusha-fdj-e-caja-rural-anunciam-equipas-para-o-algarve/406286
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.